Vereador do município de Lagamar tem mandato cassado por quebra de decoro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Em uma sessão legislativa bastante concorrida, que durou mais de três horas, e com grande presença de público, a Comissão de Ética da Câmara Municipal de Lagamar cassou na tarde desta sexta-feira (28) durante reunião ordinária, o mandato do Vereador Lázaro Rômulo Pereira Caixeta (Pros), por quebra de decoro parlamentar.

A denúncia que deu início ao processo, foi movida por, Braz Luis da Silva, morador do município, e aceita pelos vereadores no mês de abril, quando uma comissão formada por três vereadores passou a analisar e investigar a possível quebra de decoro do vereador Lázaro Rômulo, acusado de ter se beneficiado com vantagens indevidas, ao construir uma edificação em área pertencente ao Estado.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

Após a apresentação dos pareceres e leitura das mais de 100 páginas do processo elaborado pelos componentes da Comissão de ética, Lázaro Rômulo teve o mandato cassado por 6 votos a favor e 3 votos contrários. O vereador disse que irá recorrer da decisão, afirmando que está sendo perseguido politicamente, e que não cometeu irregularidades. O substituto dele para o cargo na câmara é Wilson Pereira Borges, do PRB.

Fonte: Redação Patos Já