Usuária de drogas é presa por ameaçar matar mãe de 76 anos queimada em Patos de Minas

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

A Polícia Militar levou para a delegacia na tarde desta quinta-feira (29) uma mulher de 32 anos acusada de ameaçar e agredir a mãe que possui 76 anos. A acusada que é usuária de drogas já praticou o crime outras vezes. Antes de se envolver no perverso mundo dos entorpecentes, a mãe relatou que a filha era uma garota muito tranquila.

O crime aconteceu na Rua Patrocínio, Bairro Várzea. De acordo com o Sargento Faria, esta foi a segunda vez que acontece as ameaças e desta vez a idosa juntamente com os outros filhos resolveu fazer a representação. O policial informou que a mulher, bastante agressiva, ameaçou trancar a mãe dentro de casa e atear fogo para que ela morresse queimada.

–––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––

A mulher é usuária de álcool e drogas e teria se envolvido com indivíduos de má índole. A mãe que possui dificuldade de locomoção e já está debilitada contou para os policiais que até os 18 anos a filha era bastante tranquila e que devido às drogas acabou ficando cada vez mais agressiva. Com receio de que algo mais grave aconteça, ela acabou sendo presa e levada para ser ouvida pela autoridade policial.

O Patos Hoje já mostrou diversos casos em que familiares acabam sendo vítimas de ameaças e agressões  por causa de drogas. Além de ser contra a lei e provocar danos graves à saúde física e psicológica dos usuários, os entorpecentes acabam por prejudicar as relações familiares e de amizade, gerando muita tristeza e sofrimento.

FONTE: PATOS HOJE

Vaga de Emprego para Vazante – ArcelorMittal

Técnico Operacional / Planejador de Manutenção Requisitos Mínimos:– Conhecimento avançado das ferramentas do Office;– Conhecimento do módulo PM do SAP;– Habilitação categoria B. –––––– CONTINUA