Polícia Civil de Vazante prende autor de assalto em Guarda-Mor

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

A Polícia Civil de Vazante prendeu um homem suspeito de envolvimento em um assalto na cidade de Guarda-Mor. O crime ocorreu em 2015 e a vítima foi uma vendedora de joias. A prisão ocorreu nesta quinta-feira (20), no Bairro Paracatuzinho, em Paracatu.

Na época, quatro homens armados chegaram na residência e renderam ela e a família. Todos foram presos em um dos cômodos da casa. Do local os indivíduos levaram um cofre com aproximadamente 400 mil em joias.

–––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––

Três dos quatro indivíduos já haviam sido presos em decorrências das investigações.

Na data de ontem, a Polícia Civil prendeu o quarto integrante. Ele é Thiago Ribeiro dos Santos, 30 anos, natural de Paracatu. Agora, todo o bando está à disposição da Justiça.

Fonte: Rádio Montanheza

Melhores Drones para iniciantes

Confira a lista dos melhores drones DJI com recursos facilitadores de pilotagem, preços acessíveis e qualidade profissional Pilotar um drone não é uma tarefa difícil

Vaga de Emprego – Empresa Sousa & Andrade Manutenção

Vaga de Técnico Eletricista/Eletricista. Requisitos: Conhecimento em equipamentos de mineração subterrânea/ Atlas Copco/ Sandivik/ Caterpillar/ Elphinstone. –––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––––– Vaga para a

Vagas de emprego para Vazante – ARCELORMITTAL

Vaga: Apontador II Local de trabalho:                                                                                                                                        ArcelorMittal BioFlorestas – Regional Vazante.                                                                                        –––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––––– Formação requerida:                                                                                                                                        Ensino Médio Completo Requisitos mínimos: