Polícia Civil cumpre mandados no Sindicato dos Servidores Municipais de Paracatu por suspeita de fraudes

Mandados de busca e apreensão foram cumpridos, ontem (1º), no Sindicato dos Servidores Municipais de Paracatu, durante a Operação “Apate”. Conforme a Polícia Civil, existe a suspeita de fraudes na entidade. Ninguém foi preso.

De acordo com a polícia, a ação apreendeu documentos com suspeitas de terem assinaturas e datas falsificadas para filiação fraudulenta e para desconto de valores no contracheque de associados. De acordo com o delegado do caso, Douglas Magela, a denúncia partiu da própria Prefeitura de Paracatu.

“A denúncia da Diretoria de Recursos Humanos, da Prefeitura Municipal, foi de que possíveis filiações com solicitação de desconto sindical no contracheque dos servidores poderiam estar com assinaturas e datas adulteradas. Nesse sentido, a Polícia Civil abriu investigação e, após algumas diligências, solicitou ao Poder Judiciário mandados de busca e apreensão com a finalidade de preservar os elementos de prova que possam comprovar ou não as adulterações dos elementos”, afirmou Magela.

Conforme ele, a suspeita é de as possíveis fraudes nos documentos ocorreram após a Prefeitura exigir nos contratos temporários dos servidores fichas atualizadas de filiação junto ao sindicato.

O material apreendido levado para a delegacia para ser analisado.

Fonte: G1

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp