Poder Judiciário destina R$ 186.000,00 para o combate ao coronavírus no Município de Vazante

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais, por
meio do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário, aprovou a
destinação de R$ 186.000,00 (cento e oitenta e seis mil reais) para serem
gastos pelo Município de Vazante no combate à pandemia causada pelo novo
Coronavírus.

A verba é oriunda de um fundo composto por
verbas de prestação pecuniária, pagas por pessoas condenadas pela Justiça.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

A autorização pelo Tribunal de Justiça contou
com a colaboração do Desembargador Gilson Soares Lemes, recém eleito para o
cargo de Presidente do Tribunal de Justiça e que tem vínculos com a Comarca.

A verba será destinada à compra de
equipamentos de proteção individual, de medicamentos para tratamento da
Covid-19 e para equipar dois leitos de UTI ou CTI no Hospital Municipal, com
vistas a beneficiar cidadãos de Vazante, Guarda-mor e adjacências.

No entanto, a utilização da verba será feita
de forma fracionada e dependerá da aprovação e fiscalização pelo Poder Judiciário
e Ministério Público locais, com a necessidade ainda de prestação de
contas.

O Juiz Rogério Roriz de Castro Barbo, Juiz de Direito da Única Vara da Comarca de Vazante, falou sobre os recursos.

NOTA OFICIAL – JUIZ
DIRETOR DO FORO DA COMARCA DE VAZANTE

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp