Mulher fica com 40% do corpo queimado e namorado é suspeito de ter ateado fogo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Uma briga de namorados por pouco não terminou em morte no final da madrugada do último domingo (20/05) no Bairro Lídice em Uberlândia. De acordo com a Polícia Militar, um casal de namorados teria discutido no interior de sua residência e em determinado momento, o homem de 32 anos, teria ateado fogo na vítima, uma mulher de 30 anos.

Segundo relato da vítima, o suspeito estava consumindo bebida alcoólica e os dois haviam discutido. Após o bate boca, a mulher teria ido dormir e deixou o companheiro na sala, quando ela acordou e foi até o cômodo se deparou com o namorado segurando um frasco de álcool. Neste momento, ele teria jogado o líquido inflamável no corpo da vítima e em seguida colocado fogo.

–––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––

Desesperada, a mulher correu com o corpo em chamas e conseguiu se molhar no banheiro. Temendo que o suspeito tentasse mais alguma coisa, ela se deslocou até um bar onde pediu socorro. O Corpo de Bombeiros rapidamente compareceu ao local e prestou os primeiros socorros.

A mulher foi encaminhada as pressas até o Pronto Socorro do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. A PM também foi notificada e iniciou rastreamentos.

Com queimaduras de primeiro e terceiro grau em diferentes partes do corpo, tais como nos membros superiores, inferiores, tórax, abdômen, perna e face, a vítima permaneceu internada sob cuidados médicos. Cerca de 40% do corpo foi queimado pelas chamas, segundo avaliação.

A surpresa veio quando o suspeito tentou visitar a namorada no hospital. Os funcionários cientes do acontecido avisaram os militares que realizaram a prisão em flagrante. Ele negou o crime, mas assumiu ter bebido, consumido substância ilícita e discutido com a companheira.

A perícia técnica da Polícia Civil compareceu no imóvel on

Fonte: Triângulo notícias