E-mail: [email protected] - WhasApp: (34) 9 9810-5536

MPF promove audiência em Uberlândia sobre proibição de barracas de apoio a romeiros na BR-365

O Ministério Público Federal em Minas Gerais (MPF/MG) realiza na sexta-feira (20), das 14h às 18h, uma audiência pública para discutir sobre a proibição do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) da montagem de barracas de apoio aos romeiros que vão em direção Romaria, às margens da BR-365.

A audiência será para ouvir a população, os órgãos direta ou indiretamente envolvidos com as questões relacionadas à autorização e uso de área marginal às rodovias federais e a organização da festa de Nossa Senhora da Abadia.

O pedido de proibição ocorreu em 2017, mas, mesmo assim, estruturas foram montadas para atender os fiéis. Na época, o Dnit informou que a decisão foi tomada por motivo de segurança e obras na BR-365.

As barracas são montadas com o objetivo de dar apoio aos romeiros que se dirigem à tradicional festa religiosa em homenagem a Nossa Senhora da Abadia, que esse ano acontece entre os dias de 1º e 16 de agosto.

As barracas fornecem assistência médica, de enfermagem, alimentação, banheiros e lugar para dormir aos romeiros durante a peregrinação. As estruturas são montadas há mais de 25 anos tanto por particulares quanto pela Prefeitura de Uberlândia.

Segundo a representação recebida pelo MPF, essas barracas já ficam instaladas ao longo da rodovia e, caso as estruturas fossem desmontadas, traria prejuízo e prejudicaria o evento religioso, além de aumentar o trânsito de veículos, já que particulares também oferecem apoio com seus carros.

A audiência será realizada no auditório da Procuradoria da República em Uberlândia, na Rua São Paulo, nº 35, Bairro Tibery. Cidadãos e entidades civis que queiram se manifestar durante o encontro devem seguir as regras do edital.

Fonte: G1

Fechar