MCTIC e Cisco se unem para impulsionar a transformação digital no país

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e a Cisco assinaram, na última quarta-feira (27), um acordo de colaboração para impulsionar o desenvolvimento de habilidades e a transformação digital no Brasil

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

A iniciativa “MCTIC e Cisco: Acelerando a Transformação Digital” faz parte de um investimento estratégico da Cisco pelo programa global Country Digital Acceleration, batizado de “Brasil Digital e Inclusivo”. 

O programa deve ajudar o país a se preparar para uma nova era de hiperconectividade e economia digital. Também irá apoiá-lo na recuperação social e econômica, à medida que o Brasil entrar em uma nova realidade pós-pandemia

Serão focadas as áreas de educação, saúde, segurança cibernética, agronegócio, segurança pública, energia e manufatura, a partir de parcerias com o setor público, indústria e academia. As iniciativas relacionadas ao governo do presidente Jair Bolsonaro serão projetadas e executadas em conjunto com o MCTIC.

As iniciativas do programa contemplam:

  • Criação de uma plataforma digital inteligente para dar suporte ao monitoramento, gestão e definição de políticas públicas no país, através da consolidação de informações sobre os diversos programas e iniciativas envolvidos com a pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação no Brasil.
  • Cibersegurança: a Cisco está trabalhando em diversas iniciativas como o Programa de Cibereducação. A ideia visa impactar cerca de 7 mil jovens no país, desenvolvendo novos talentos em segurança cibernética, além de estimular a empregabilidade em tecnologia da informação. A empresa também trabalhará com o MCTIC no uso de análises e inteligência, bem como na troca de informações sobre ameaças à segurança cibernética.
  • Cibersegurança: criação de plataforma regional pelo Conselho de Inovação em Cibersegurança, em colaboração com a Organização dos Estados Americanos (OEA), para educação em segurança cibernética e compartilhamento de melhores práticas e colaboração.
  • Indústria 4.0: criação de um Centro de Experiência focado nas tecnologias de suporte à Indústria 4.0 e manufatura avançada, assim como o desenvolvimento de um programa de capacitação de profissionais para atuarem no segmento. Com essa iniciativa, a Cisco pretende apoiar a formação de 2 mil profissionais nos próximos três anos. 
  • Covid-19: a Cisco apoia instituições de saúde e disponibiliza tecnologia de videoconferência para facilitar o atendimento remoto e a melhor interação entre médicos e pacientes. Além disso, é disponibilizada infraestrutura tecnológica para alguns hospitais de campanha montados para atendimento de pacientes.
  • Covid-19: parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para o fornecimento de plataforma de videoconferência para sessões virtuais, permitindo o retorno das atividades dos tribunais em todo o país durante a pandemia.
  • Iniciativas relacionadas a áreas como cidades inteligentes, Internet das Coisas (IoT), 5G, Wi-Fi 6, entre outras.
 

“Essa parceria entre o MCTIC e a Cisco é um exemplo dessa união transformadora. A ciência e a tecnologia são elementos fundamentais para o desenvolvimento econômico e social do Brasil”, afirmou o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes.

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp