Lista de investigados por fura-fila inclui servidores em teletrabalho em Patos de Minas; veja

A primeira lista continha 828 nomes e era formada por servidores que atuam em Belo Horizonte.

O Governo do Estado enviou para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais uma nova lista contendo os nomes de 1852 servidores da Secretaria de Estado da Saúde que atuam em cidades do interior de Minas e que foram vacinados contra a Covid-19. A primeira lista continha 828 nomes e era formada por servidores que atuam em Belo Horizonte.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

As denúncias de fura-fila, diante da escassez de vacinas contra a Covid-19, levaram a Assembleia Legislativa de Minas Gerais a abrir a investigação. Os deputados cobraram a lista com os nomes dos servidores que foram vacinados. A pressão dos deputados levou o governador Romeu Zema a demitir o secretário de estado da saúde, Carlos Eduardo Amaral.

A lista divulgada nesta quinta-feira (18) traz os nomes dos servidores das Superintendências Regionais de Saúde localizadas nas cidades do interior que foram vacinados pelas Secretarias Municipais de Saúde. A grande maioria deles está contemplada no Plano Nacional de Imunização, mas é possível verificar que servidores em teletrabalho também foram imunizados, inclusive na regional de Patos de Minas.

A partir da apresentação dos nomes, os deputados que investigam as denúncias poderão identificar se houve ou não irregularidades na vacinação no Estado. Veja a lista!

Patos Hoje

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp