Um início de ano desastroso. O técnico Oswaldo Oliveira deixou o Atlético e uma marca difícil de ser digerida: o clube faz sua pior campanha no Campeonato Mineiro com 12 clubes.

A última vez que o Galo tinha feito uma campanha tão ruim foi em 2008, quando fez 19 pontos. O Atlético tem 12 pontos atualmente. Com dois jogos restantes, o clube alvinegro terá Uberlândia, fora de casa, e Tombense, no Independência. Se ambos, o Galo chega a 18 pontos, confirmando já a pior campanha.

Algo que foi criticado no novo regulamento, agora, pode ajudar a equipe de Belo Horizonte. De acordo com a nova forma de disputa do Campeonato Mineiro, oito clubes se classificam para a próxima fase. No entanto, se não conseguir um bom rendimento nos próximos jogos, a equipe corre o risco de não avançar de fase – algo que seria um vexame da gestão Sérgio Sette Câmara e Alexandre Gallo.

Um dos maiores vexames da história do Atlético, o rebaixamento para a Série B do Brasileirão, aconteceu em 2005, ano que o clube também teve rendimento ruim no Campeonato Mineiro, classificando para a segunda fase do torneio com 19 pontos conquistados, ou seja, melhor que em 2018.

O técnico Thiago Larghi, que assumiu o Galo há poucos jogos, já faz um trabalho melhor que Oswaldo, embora ainda encontre diversas dificuldades. Ele ainda não está efetivado no cargo.

Fonte: Triângulo notícias