A Polícia Federal (PF) e Polícia Militar (PM) deflagraram na manhã desta quinta-feira (14), em Uberlândia, a Operação “Contenção” em combate ao tráfico de drogas. De acordo com a Polícia Federal, são cumpridos 14 mandados de prisão preventiva e 21 mandados de busca e apreensão.

Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Criminal da comarca de Uberlândia e têm como foco integrantes da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), sendo que o suspeito de chefiar o grupo comandava o tráfico de dentro do presídio.

Ao total foram indiciadas pela Polícia Federal 18 pessoas, sendo que grande parte dos alvos conta com diversos registros criminais. Ainda segundo a polícia, alguns suspeitos já estavam presos e por isso não foram expedidos mandados de prisão em desfavor deles. Apenas uma pessoa está foragida.

Os presos serão levados para o Presídio Professor Jacy de Assis em Uberlândia e os materiais apreendidos, como drogas, encaminhados à Delegacia da Polícia Federal.

Drogas foram apreendidas durante cumprimento dos mandados nesta manhã (14) (Foto: Polícia Federal/Divulgação)Drogas foram apreendidas durante cumprimento dos mandados nesta manhã (14) (Foto: Polícia Federal/Divulgação)

Drogas foram apreendidas durante cumprimento dos mandados nesta manhã (14) (Foto: Polícia Federal/Divulgação)

Ataques a ônibus

O delegado-chefe da PF, Carlos Henrique Cotta D’Ângelo, informou que a Operação “Contenção” tem como objetivo combater o tráfico de drogas cometido pela quadrilha. Contudo, as investigações continuam e a polícia não descarta o envolvimento de alguns dos investigados com os ataques a ônibus e prédios públicos na região.

“O que foi investigado é o tráfico de drogas, mas nós identificamos que esses indivíduos se envolvem em latrocínios, roubos, homicídios e não descartamos a participação deles em atentados a ônibus e outros prédios públicos aqui na região”, disse.

Caso fique comprovado o envolvimento da quadrilha ao fim das investigações, os suspeitos também responderão pelo crime.

Fonte: G1 triângulo