A Panasonic disse que a produção da fábrica de baterias de 5 bilhões de dólares, que opera em parceria com a montadora de veículos elétricos Tesla, pode aumentar em breve, uma vez que as causas que limitaram a produção foram compreendidas.

A Panasonic, maior fabricante de baterias de íons de lítio do mundo, produz as células de bateria que a Tesla utiliza para montar as baterias de seus carros.

A Tesla, no início deste mês, culpou os gargalos industriais por limitarem a produção trimestral de seu sedã popular Model 3 a 260 veículos, em vez de atingir sua meta de 1.500 unidades.

Para continuar lendo, clique aqui.