Os pesquisadores da Kaspersky Lab descobriram uma nova modificação do conhecido cavalo de troia Faketoken, direcionado a sistemas bancários em dispositivos móveis, que foi aperfeiçoado para roubar credenciais de aplicativos de táxi populares.

O mercado de aplicativos móveis está crescendo e oferece cada vez mais serviços que armazenam dados financeiros confidenciais, incluindo aplicativos de serviços de táxi e de carona que exigem as informações de um cartão bancário do usuário. Por estarem instalados em milhões de dispositivos Android no mundo todo, esses aplicativos tornaram-se alvos atraentes para os cibercriminosos, que ampliaram significativamente as funcionalidades dos malwares para mobile banking.

A nova versão do Faketoken rastreia os aplicativos dinamicamente e, quando o usuário abre um determinado aplicativo, a tela é sobreposta por uma janela de phishing para roubar os dados do cartão bancário da vítima. O trojan tem uma interface idêntica, com os mesmos esquemas de cores e logotipos… para continuar lendo, clique aqui.