Conselho da Festa da Lapa realizou nesta segunda-feira (14), na sede da CDL, a prestação de contas do trabalho realizado durante o evento religioso em 2017. Neste ano, o conselho foi instituído para gerir e organizar a festa no que se refere à locação de espaços públicos e arrecadação das respectivas taxas. Ele ficou responsável também pelo pagamento de despesas adquiridas com a atividade durante o período.

Após o termino do evento, conforme estabelecido, o conselho prestou contas ao município. Depois de homologadas, as contas foram apreciadas pelo Ministério Público.

De acordo com a prestação de contas, foram arrecadados R$ 416.645,00 com a Festa da Lapa de 2017. Do valor, R$ 118.319,13 foram despesas adquiridas com o evento e o restante, R$ 298.325,13, foram destinados à entidades beneficentes, sediadas no município.

A escolha das entidades e os percentuais da receita liquida foram feitas pelos membros do próprio conselho, ficando a distribuição da seguinte forma:
– Conselho da Festa da Lapa – R$ 10.525,13;
– Asilo São Vicente de Paulo – R$ 130.000,00;
– Associação dos Moradores do Bairro Novo Horizonte – R$ 60.000,00;
– Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) – R$ 40.000,00;
– Dispensário Frei Reinaldo – R$ 30.000,00;
– Policia Militar – R$ 15.000.00;
– Casa da Criança – R$ 12.800,00.

O conselho da Festa da Lapa é composto por 12 membros indicados pelas entidades: APAE, Associação dos Moradores do Bairro Novo Horizonte, Asilo São Vicente de Paulo, CDL, Poder Executivo Municipal e Poder Legislativo Municipal. São dois membros e cada.

Fonte: Radio Montanheza