Hospitais passam a receber mais de R$ 2,7 milhões para cirurgias oncológicas em Uberlândia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

O Hospital Municipal e Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) foram credenciados pelo Ministério da Saúde e vão receber pouco mais de R$ 2,7 milhões ao ano para custear procedimentos cirúrgicos de câncer por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). A portaria habilitando os dois hospitais foi publicada nesta segunda-feira (29) no Diário Oficial da União.

O prefeito Odelmo Leão havia postado a notícia nas redes sociais no último fim de semana, aguardando apenas a oficialização através da portaria. A partir de agora, o Hospital e Maternidade Dr. Odelmo Leão Carneiro fica habilitado como Hospital Geral com Cirurgia de Câncer de Complexo Hospitalar para realizar as cirurgias de menor complexidade com esses recursos.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

A mesma portaria também altera a habilitação do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) para Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) com Serviços de Radioterapia, Hematologia e Oncologia Pediátrica. O hospital realizava os procedimentos, no entanto, agora passa a receber os repasses.

O recurso federal será efetuado em parcelas mensais e depositado no Fundo Municipal de Saúde com destinação às cirurgias oncológicas nas duas unidades. Caberá ao gestor do SUS no município fazer a redistribuição do valor na rede de saúde. O G1 solicitou mais informações sobre o assunto ao Ministério da Saúde e assessoria de comunicação do Hospital de Clínicas e aguarda retorno.