Homem é agredido à pauladas e esfaqueado em Vazante; suspeitos são presos

Dois indivíduos, de 20 e 21 anos, foram presos após uma ação da Polícia Militar nessa quarta-feira (24), em Vazante. As prisões ocorreram após denúncia anônima de que havia um homem gritando por socorro no interior de uma residência, localizada na rua Gerônimo Onofre de Oliveira, no Bairro Novo Horizonte. O fato ocorreu por volta das 11h45.

De acordo com o registro policial, os militares chegaram no local e viram os dois homens correrem para os fundos da casa e pulando o muro de acesso às residências vizinhas. A polícia cercou o perímetro e localizou os indivíduos durante as buscas em algumas residências. Os homens resistiram a prisão com chutes e pontapés, mas foram contidos pelos policiais. Eles estavam com as mãos e vestes sujas de sangue.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

Ao realizarem vistoria na casa, alvo das denúncias, os militares encontraram no interior um homem de 33 anos de idade. Ele estava caído no solo com diversos ferimentos na cabeça e tórax, provenientes de agressões sofridas com pauladas e esfaqueamento. Foi solicitado o socorro médico para a vítima, que foi atendida e levada para o Hospital Municipal, apresentando cortes na nuca, testa e hematomas por todo o corpo.

À polícia, os dois suspeitos apresentaram versões contraditórias sobre a motivação das agressões. Uma delas, é que a vítima teria furtado um botijão de gás de um deles. Eles são conhecidos no meio policial e possuem uma extensa ficha criminal. Somando-se a isso, há informações de que eles estavam usando a casa para tráfico de drogas, e que a motivação das agressões contra a vítima seria por causa de dívidas de drogas, uma vez que o agredido também é usuário de drogas.

Na residência, os militares encontraram duas facas e um cabo de madeira contendo manchas de sangue, indicando que esses materiais teriam sido utilizados nas agressões.

Os dois homens foram presos em flagrante delito e conduzidos até a Delegacia com os materiais utilizados para a prática do crime. A Polícia Militar não informou os nomes dos envolvidos.

Por Anderson Franque com informações Ascom PM

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp