Governo sugere cortes em salários de parlamentares

Após anunciar a continuação de duas novas parcelas do auxílio emergencial no valor de R$ 300, o presidente Jair Bolsonaro sugeriu o corte nos salários dos parlamentares que defendem a continuidade do valor de R$ 600.

Ele falou que o programa é de alto custo para o Governo Federal e que não é simplesmente fácil como aponta alguns deputados.

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––

“Eu sei que tem parlamentar que quer mais duas de R$ 600. Tudo bem se tivermos um programa para diminuir o salário do parlamentar pela metade e grande parte for usado para pagar isso aí”, disparou Bolsonaro.

Segundo ele, o governo não pode arcar com o auxílio e consequente ficar aumentando a dívida.

“A gente não tem como! Não tem possibilidade da nossa dívida continuar crescendo dessa maneira. Eu pago até R$ 1.000 por mês, não tem problema nenhum. Mas dizendo de onde vem o recurso, não podemos nos endividar”, completou.

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Vazante.net

FREE
VIEW