A procura pelo jovem Rodrigo Cambraia “Feijãozinho”, 17 anos, completou 176 dias nesta quarta-feira (25/04). Ele desapareceu no dia 09 de novembro de 2017, após sair de casa. A mãe do jovem, Viviani Cristina Cambraia, diz que a família ainda não possui nenhuma pista sobre o paradeiro. São mais de 6 meses de busca, angustia e sofrimento.

Ainda segundo Viviani, Rodrigo saiu de casa no dia 09 de novembro trajando bermuda e camiseta branca, em uma bicicleta marrom. Ela conta que Rodrigo não tinha histórico de saídas longas sem avisar a família. “Tudo que eu quero é saber uma notícia de meu filho, saber se ele está bem, estou desesperada, são meses de sofrimento”, disse a mãe ao PO Notícias.

Ela relata a nossa reportagem, que um boletim de ocorrência foi registrado, vários rastreamentos foram feitos pela Polícia Militar e Civil. A bicicleta que o jovem estava foi localizada na “Represinha” que fica às margens da rodovia MGC-354, no perímetro urbano da cidade.

O Corpo de Bombeiros chegou a realizar buscas no local, pois havia denúncias que o corpo do jovem poderia ter sido jogado no local, mas esta hipótese foi descartada. Buscas também foram realizadas na represona. Na ocasião as buscas foram encerradas.

“Estamos sofrendo muito, só quero encontrar meu filho, se alguém souber de alguma informação por favor entre em contato comigo ou com a polícia” finalizou a mãe de Rodrigo.

Informações sobre a localização de Rodrigo podem ser repassadas pelo telefone da família (34) 9 9763-7705 / 9 9668-3763 ou diretamente à Polícia Militar, através do número 190.

Fonte: PO Noticias