Delegado e policiais civis de Patrocínio são presos na 7ª fase da Operação Fênix

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Na manhã desta terça-feira (24), um delegado e dois agentes da Polícia Civil de Patrocínio foram presos durante a 7ª fase da Operação “Fênix”, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Uberlândia.

Realizada na Delegacia de Polícia da Avenida Faria Pereira, Bairro São Cristóvão, a operação foi deflagrada por promotores do Gaeco e contou com apoio do núcleo de Patos de Minas e da Polícia Militar, por meio de reforço do 15º Batalhão de Patos de Minas.

–––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––

De acordo com o promotor de Justiça, Adriano Bozola, quatro mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão foram expedidos, sendo que um dos investigados já havia sido preso em outra fase da Operação Fênix.

A identidade dos presos foi mantida em sigilo pela Promotoria e os investigados foram conduzidos até a Casa de Custódia do Policial Civil, em Belo Horizonte e permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

A 7ª fase da Operação Fênix apura denúncias de corrupção, roubo de cargas, entre outros crimes envolvendo policiais, empresários, advogados, traficantes e ladrões de carga. Diversos objetos e documentos dos envolvidos foram apreendidos, dentre eles computadores.

Fonte: Patos Noticias

 

Vaga de Emprego para Vazante – ArcelorMittal

Técnico Operacional / Planejador de Manutenção Requisitos Mínimos:– Conhecimento avançado das ferramentas do Office;– Conhecimento do módulo PM do SAP;– Habilitação categoria B. –––––– CONTINUA