Acusado de assassinar policial penal em Patos de Minas é preso em fazenda de João Pinheiro

Evandro Oliveira Amaral estava escondido em uma fazenda na zona rural em companhia de outro homem, também foragido da Justiça.

O homem acusado de assassinar o policial penal Yokanaa de Jesus Marinho de Camargos, de 31 anos, foi preso pela Polícia Militar de João Pinheiro nessa sexta-feira (09). Evandro Oliveira Amaral estava escondido em uma fazenda na zona rural em companhia de outro homem, também foragido da Justiça.

O crime aconteceu na noite do dia 06 de novembro do ano passado. O policial penal estava em um bar na esquina da rua Ailton Pedro Barros com a rua Alzino Martelo quando o assassino entrou no local e desferiu um tapa em sua cabeça. Yokana foi atrás e acabou surpreendido pelo atirador que estava em um lote vago. O policial penal foi atingido na cabeça e morreu pouco depois de dar entrada no hospital.

Evandro confessou o crime. Ele entregou a arma usada no assassinato e prestou esclarecimentos através de seu advogado, mas nunca se entregou presencialmente. Alguns dias depois, Evandro teve a prisão decretada pela Justiça. O mandado foi cumprido nesta sexta-feira(09).

A Polícia Militar recebeu informações de que o autor do homicídio do policial penal estava escondido na fazenda e foi até o local conferir. Evandro tentou escapar, mas não conseguiu fugir. Outro foragido que estava na fazenda também foi preso.

A família do policial penal estava angustiada com a situação e clamava por Justiça. A mãe dele fez um desabafo em entrevista a nossa reportagem.

Patos Hoje

––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE –––
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp